Depilação: qual o melhor método? Prós e contras.

Descubra qual o método de depilação mais indicado para você, sua pele e seu bolso.

É uma unanimidade: todas as mulheres se depilam. Se você tem poucos pelos, ou somente uma leve penugem dourada cobrindo seu lindo corpo, levante as mãos para os céus e agradeça! Deus te livrou da depilação. Mas se você, é como a maioria de nós e não se sente a vontade com os pelos em certas áreas do corpo, seja bem vinda (ou bem vindo) e descubra agora qual o melhor método de depilação para você.

Cada método disponível no mercado tem seus prós e contras. Vamos analisar as vantagens e desvantagens da depilação ao laser, da foto depilação, depilação a cera ou com a lamina de barbear.

Depilação a Laser

Começamos logo pelo método mais moderno disponível hoje em dia no mercado para quem quer ficar lisinho. A depilação a laser pode ser feita praticamente em qualquer área do corpo das mulheres e dos homens e vem se tornando aos poucos a opção padrão para a maioria das pessoas.

Prós:

A principal vantagem da depilação a laser está no fato deste ser o único método de depilação definitivo. Uma vez que o laser elimine um folículo, lá não nascerá mais pelos novamente. Como ao longo das sessões os pelos param de nascer, a pele na área tratada torna-se mais lisa e clara pois os póros que antes estavam abertos para os pelos se fecham como se na pele nunca houvesse nascido pelos.

A tecnologia de depilação a laser tem avançado bastante nos últimos anos, o que possibilita aos usuários um resultado mais eficiente e com muito mais conforto hoje em dia. O procedimento que antigamente era dolorido, hoje em dia é praticamente indolor graças ao uso do Laser de Alexandrite, com tecnologia a base de criógeno que protege a pele da ação do raio laser.

O preço deste tipo de tratamento também tem reduzido bastante muitas vezes é possível parcelar o tratamento em até 12 vezes sem juros. Colocando na ponta do lápis o investimento em um tratamento de depilação a laser compensa e muito quando comparado com a tradicional depilação ao cêra, já que com a cêra é necessário fazer a manutenção a cada 15 dias e o laser é definitivo.

Contras:

A depilação a laser não é indicada para todos os tipos de pelos e peles. Pessoas com os pelos muito claros (loiros) ou com a pele muito escura (negra ou bronzeada) poderão não alcançar os resultados esperados. E para aqueles que estão realizando o tratamento é aconselhado que não pegue sol 15 dias antes e após cada sessão.

Depilação a Cêra

Este é o método mais tradicional e adotado pelas brasileiras, apesar de estar perdendo espaço cada vez mais para a depilação a laser.

Prós:

A principal vantagem da depilação com a cêra é o bom resultado imediato que ela proporciona. A pele fica imediatamente livre de pelos logo após a sessão de depilação.

Contras:

A primeira desvantagem da cêra é o fato de ser extremamente dolorida. Seja cêra quente ou fria, é sempre um momento tenso a hora da depilação… para os homens então é pior ainda!

Outro motivo que tem levado muitas pessoas a trocar a depilação a cêra pela depilação a laser é a necessidade da manutenção a cada 15 dias para se ter a pele sempre livres de pelos.

Em muitos casos a depilação com a cera provoca foliculite, que é quando pelo fica preso dentro da pele causando inflamação. Muitas mulheres apresentam também escurecimento das áreas depiladas, principalmente axilas e virilha.

Apesar do custo de uma sessão de depilação não ser alto o investimento acumulado ao longo de um ano (ou vários) acaba por se tornar uma desvantagem também.

Fotodepilação

Muita gente confunde fotodepilação com depilação a laser. Apesar se parecerem similares, os resultados práticos são bem diferentes.

Prós:

A fotodepilação tem como trunfo o fato de ser bastante confortável para quem está se depilando, já que os flashes de luz usados não agridem a pele.

Contra:

Diferente do laser a fotodepilação não tem a capacidade de eliminar de forma definitiva os pelos. Por esse motivo, como na depilação a cêra, a fotodepilação acaba se tornando um método custoso, já que a pessoa não pode nunca interromper o tratamento.

Por causar o enfraquecimento dos pelos também leva casos de folículite.

Lamina de barbear

Quem nunca?! Na hora da pressa a boa e velha lamina de barbear salva a gente… mas não é de longe o ideal.

Prós:

A praticidade do método faz com que ele seja usado uma vez ou outra por todo mundo. A raspagem também é indicada para quem tem problemas de foliculite.

Contras:

A raspagem agride muito a pele, podendo causar escamação, irritação, escurecimento da pele, fora o risco de cortes. Autch! O toque da pele também ficar menos agradável já que os pelos logo começam a nascer ficam “espetando” para fora da pele.

Em resumo

No final das contas a depilação a laser acaba se mostrando a melhor opção para a maioria dos casos. Se o seu tipo de pele e pelo permite que você faça uso do laser vai com tudo! Terminar seu tratamento e não ter de se preocupar mais com depilação é uma maravilha! Além disso, este tipo de tratamento hoje em dia apresenta o melhor custo benefício em termos financeiros.

2018-03-13T23:29:04-03:00